terça-feira, 29 de outubro de 2013

Artigo: Bate Papo com Luciano - CPM 22.




Espere o melhor. Prepare-se para o pior e aceite o que vier!





"Posso até estar errado mais nem penso em desistir", "E só de pensar em te perder por um segundo eu sei que isso é o fim do mundo", "O mundo da voltas"... Essas e muitas outras frases fizeram parte da vida de uma galera nesse Brasil. Mas é claro que uma banda como o CPM 22 dispensa maiores explicações, não é? Na ativa desde 1995, o CPM 22 passou um um período independente, que trouxe também um dos discos mais brilhantes da banda "Depois de um Longo Inverno", que misturou hardcore com outros ritmos, inclusive o Ska. Agora de volta a Universal Music e com o disco Acústico quentinho e saindo do forno, o CPM 22 está mais ativo que nunca, com o single Perdas, que já ta bombando em todo o Brasil.

E como vocês devem saber, o rock in roll e os video games sempre foi uma combinação perfeita. E como todo bom fã de rock, os caras do CPM 22 também curtem relaxar com os games. E pra mostrar pra galera que música e games tem tudo haver, tenho a grande alegria e honra de dizer que bati um breve papo com Luciano, guitarrista do CPM 22, que contou pra gente um pouquinho do que ele curte jogar e a relação do CPM 22 com a internet. E mais uma vez, agradeço pela gentileza do Luciano, que conversou comigo e agora trago o papo pra vocês.


Sabemos que a galera do Cpm, assim como a do nosso blog, gosta de um bom vídeo game. Mesmo com toda a correria do dia a dia ainda sobre um tempinho pra isso?

Sim, videogame é uma boa maneira de passar o tempo se divertindo. Levamos o PS3 pra estrada também, para podermos jogar no busão e nos hotéis.

E o que a galera da banda curte jogar pra relaxar?
Vou responder por mim... NBA, Fórmula 1, God of War, Gran Turismo, Dirt, Motorstorm... curto mais jogos de corrida de carro.


Falando um pouco de tecnologia e internet, que também tem haver com o assunto do blog. Sabemos que o CPM 22 veio da época em que a comunicação era por cartas e não existia esse avanço da internet. Como a internet vem beneficiando a banda atualmente?
Na divulgação, que é muito mais rápida que em qualquer outro veículo de comunicação.

A internet possibilita que tanto os fãs quanto a banda mantenham um contato mais estreito. Seja pela Facebook, Twitter e outras redes sociais. Como funciona esse contato? Rola troca de ideias com o publico?
Sim, temos uma proximidade muito maior com os nossos fãs hoje em dia, graças a internet e suas redes sociais.

Sabemos que a internet trouxe muitos pontos negativos pra cena musical. Um deles é a pirataria. No entanto, também há coisas boas, como o uso do youtube para a divulgação de vídeos e tudo mais. Vocês sentem muito o peso desses males da internet, e como é possível conciliar uma situação tão delicada no nosso mercado?
No nosso caso a pirataria prejudica muito mais a gravadora, que é quem investe na banda. Aos poucos essa cultura de achar que tudo que está na net é de todo mundo muda.

O clipe perdas é um grande sucesso no youtube. Os números e a aceitação do publico mostram isso. Como foi pra vocês ver essa força dos fãs em tão pouco tempo?
Demais! Mostra que ainda temos muita força e principalmente, que o pessoal gostou do trabalho.


O CPM 22 veio de uma fase independente, mas que foi também uma fase de crescimento incrível. Também ficou claro que os fãs da banda cresceram junto com vocês e aceitaram bem essa nova fase. Podemos esperar ansiosos por mais rock in roll e ska pro futuro?
Os nossos discos refletem o que estamos ouvindo na época que estamos compondo. Tudo depende do que estará rolando nos nossos sons! Influências. É o que está faltando para as bandas de hoje em dia!

Pra terminar, eu tive de perguntar. Vocês tocaram aqui em Manaus na Virada Cultural 2012, no anfi teatro da Ponta Negra. Foi um show foda. Como foi ver aquela galera toda ali cantando junto cada música da banda com vocês? Uma curiosidade é que desde 22:00 daquela noite não entrava mais um ônibus ou carro ali, só pra ver vocês!
Manaus é demais! Todas as vezes que tocamos aí o público foi incrível, tanto na quantidade quanto na empolgação! Isso é o que nos mantém vivos!!!

Obrigado pela atenção. E pra fechar... O CPM 22 é um exemplo para muitas bandas. Vocês tiveram um auge e tanto, passaram por crises, e agora estão ai de novo pra tristeza de alguns e alegria geral. Que mensagem vocês dão a outros caras que ainda perseguem a difícil tarefa de viver do rock no brasil?
VAMOS VENCER! Abraços. Luciano.




Muito obrigado pela atenção do Luciano e da galera do CPM 22. Sou fã demais do trabalho da. Fizeram parte da minha adolescência e ainda fazem parte da vida adulta, assim como faz parte também da galera que visita a Save Point BR. Valeu mesmo por essa entrevista!



Por: Lipe Vasconcelos.














2 comentários:

  1. Muito legal. ...Parabéns Lipe por esse papo e sucesso para banda CPM22

    ResponderExcluir
  2. Muito legal a entrevista! Parabéns !! #vamosvencer

    ResponderExcluir